01/09/2012

Naquela noite...#Part.3 (fim)

Naquela noite…#Part. 2
Naquela noite…#Part. 3

Não paro de pensar do que aconteceu naquela noite… Já passou mais de 2 horas, para ser sincera já estava farta de estar ali sentada. Mas não podia desistir pelo menos desta vez, durante toda a minha vida sempre desisti dos meus sonhos, nunca lutei por nada. E cada vez que tento os obstáculos ganham-me sempre. Pareço ser uma pessoa muito forte por fora, mas por dentro sou mais frágil que uma rosa! Passaram 3,4,5 horas e a fome já apertava, dirigi-me ao café mais próximo, depois, voltei outra vez para a porta de casa dele. Desta vez não podia desistir pelo menos uma vez na vida queria concluir algo!
-Que fazes aqui?
Reconheci logo aquela voz, suave, doce mas séria. Olhei para trás, antes de responder.
-Eu queria uma resposta tua, o que aconteceu naquela noite? Porquê?
-Porquê?! Digo eu!
-Tu? Naquela noite eu fiz-te uma pergunta simples!
-E fugiste a correr!
-Responde-me simplesmente, estás só a brincar com os meus sentimentos?
-Ouve-me, eu amo-te! Nunca divides disso, tu magoaste-me! Quando perguntas-te se eu estava a brincar com os teus sentimentos é claro que não, fiquei em silêncio, porque não sabia que duvidavas de mim! Nunca imaginei tal coisa! E depois fugiste. Eu amo-te minha doida!
-Desculpa.
E quando dei por mim, já estava encostada ao seu peito, musculado e quente. Ele beijou-me o cabelo, depois a testa e por fim os seus lábios tocaram nos meus, arrepiei-me, aquele beijo foi com tanto entusiasmo que até fiquei sem ar. Não devia ter duvidado dele naquela noite! Nem nunca. Não posso ter medo, pois se tiver sempre medo de me magoar nunca vou alcançar aquilo que quero.


Fim da história! 'Naquela noite' 
Cya, Mýo *-*! 

Sem comentários:

Enviar um comentário