23/03/2014

Conheça Pompeii a cidade esquecida

Tenho actualmente cinquenta post’s de rascunhos, cada um com ideias diferentes, mas não uso nenhum deles. Não sei porque mas quando venho escrever, começo sempre um novo.

Divergente chega dia 3 de Abril aos cinemas portugueses, depois de ter ficado à espera durante meses, finalmente vou poder ver o meu Theo James com a sua voz super sexy.

Estas semanas foram muito atarefadas, durante a semana tive provas e teste intermédio, e nos fins-de-semana uma amiga minha fez anos, e no outro fui viajar. No aniversário da minha amiga fomos ao cinema e vimos o filme ‘Pompeii’, resumindo é um filme que mistura uma situação verídica com uma inventada. Pompeii realmente existiu, agora o romance que envolve o filme já não. E eu venho falar da parte verídica.

Pompeia ou Pompeii (em latim) era uma típica cidade romana com 20 mil habitantes, situada no sul da Itália próxima ao vulcão Vesúvio (é o único vulcão na Europa continental a ter entrado em erupção nos últimos cem anos, embora atualmente esteja inactivo.). No ano de 79, este vulcão entrou numa erupção violenta, e provocou um forte terremoto e expeliu grandes quantidades de pedras incandescentes, lava vulcânica, poeira e fumaça tóxica. Esta erupção foi uma das mais conhecidas e catastróficas erupções vulcânicas de todos os tempos.

Nesse dia 24 de Agosto de 79 d.C. era um dia de festa. Um grupo de teatro tinha vindo de Roma e pessoas de outras cidades vizinhas tinham viajado para assistir à festa que durou até à noite. De repente, ouve-se uma explosão. ‘É uma erupção! De início, todos se assustam e se interpelam. Havia pelo menos 900 anos que o vulcão não dava sinais de vida. Dizia-se que ele estava extinto. Logo depois é a agitação.’ *
A cidade de Pompeia foi totalmente coberta e quase toda população morreu soterrada. As cidades vizinhas de Herculano e Stabia também foram atingidas.

No final do século XVIII, a cidade foi redescoberta por um agricultor que, ao trabalhar na região, localizou um muro da cidade. Nos dois séculos seguintes, a cidade foi escavada por arqueólogos. Casas, prédios públicos, aquedutos (sistema de condução de água), teatros e outras construções foram encontrados. 
Porém, o que mais impressionou os arqueólogos foram os corpos petrificados, em posição de protecção, que foram atingidos pelas lavas vulcânicas. A lava conservou os corpos até hoje.
Para mim o que mais me entristeceu foi esta última, porque quando estou em pânico ou com medo é exactamente essa a posição que faço para me proteger e tentar acalmar.

1 comentário:

  1. eu infelizmente não vou poder ir ver ao cinema no dia de estreia por causa da escola (porquê???)
    a primeira imagem da última montagem é que é mais perturbadora pois podemos ver o horror espalhado na cara do homem
    o filme deve ser interessante mas não sei se seria um pouco aborrecido
    querosabertudo-k.blogspot.com

    ResponderEliminar